English Version
 
 
Hybrido - from Rio to Wayne Shorter
Antonio Adolfo
Ref.:
AAM0711
Gravadora:
- Rob Digital
Valor:
R$ 23,50

Antonio Adolfo, pianista e compositor carioca, faz uma tributo ao jazzista norte-americano, Wayne Shorter em seu
novo álbum 'Hybrido - from Rio to Wayne Shorter'

O disco, que tem participação do cantor Zé Renato, além de oito músicas de Shorter, traz 'Afosamba', composição em
homenagem ao saxofonista, em que Adolfo mistura afoxé e samba


A palavra híbrido em português, além do mesmo significado, tem quase a mesma grafia que em inglês, hybrid.
Aproveitando essa coincidência e a intenção de combinar estilos musicais o pianista e arranjador Antonio Adolfo
resolveu batizar o novo CD com o título de 'Hybrido – from Rio to Wayne Shorter', em que homenageia o saxofonista e
compositor norte-americano Wayne Shorter. “O hibridismo do título se refere a essa mistura cultural, de estilos
musicais e raças, que tem sido um dos motores do meu trabalho”, sintetiza Adolfo.
O resultado são oito canções de fases distintas da carreia de Shorter, entre elas Footprints, Beauty and the Beast e
Black Nile, que Antonio traz para seu universo musical, além da sua 'Afosamba', palavra criada por ele para traduzir
sua mistura 'jazzística' de afoxé e samba. “Wayne, de quem sou fã desde que me tornei profissional, sempre me
inspirou por sua moderna concepção. Além disso, ele tem uma forte ligação com a música brasileira. Já tocou no
Brasil, inclusive gravou com músicos locais. Nesses seis meses em que fiquei trabalhando nos temas, fui chegando à
conclusão de quais composições poderiam estar mais próximas de meu estilo, do meu universo, e a escolha recaiu
nessas”, conta Adolfo.
Zé Renato faz uma participação especial em Footprints, e a banda, além de Antonio Adolfo, no piano e arranjos, tem
Lula Galvão (guitarra), Jorge Helder (baixo acústico), Rafael Barata (bateria e percussão), André Siqueira
(percussão), Jessé Sedoc (trompete), Marcelo Martins (sax e flauta), Serginho Trombone (trombone) e Claudio
Spiewak (violão em Beauty and the beast).

Wayne Shorter é saxofonista e compositor norte-americano, que hoje, com mais de 50 anos de carreira e 83 de vida,
tem várias de suas composições consideradas standards do jazz. Começou a atuar nos anos 1950 e posteriormente
integrou um dos quintetos do trompetista Miles Davis. Na década de 1970, foi um dos criadores do grupo Weather
Report, considerado um dos grandes inovadores do jazz fusion, ao lado do baixista Jaco Pastorius e do tecladista Joe
Zawinul.

Antonio Adolfo começou a estudar música na infância, e no início da década de 1960 passou a freqüentar ambientes
onde se tocava jazz e bossa nova. Em 1963, montou o Trio 3-D, para o musical Pobre Menina Rica, e ao mesmo
tempo acompanhar Leny Andrade no histórico Beco das Garrafas. Atuou como compositor em importantes festivais e
trilhas sonoras de novelas, obtendo sucesso com Sá Marina, Juliana, BR-3 e Teletema, dentre outras. Morou no
Exterior no começo dos anos 1970, quando teve a oportunidade de estudar música nos EUA e Europa.

De volta ao Brasil, em 1975, participou de gravações com grandes intérpretes da MPB. Marca uma atitude pioneira que
hoje é padrão na música brasileira: a gravação e distribuição independente de discos. O LP Feito em Casa (1977) teve
todas as etapas assumidas por ele, desde a gravação até a venda em lojas. Em 1985 cria, no Rio de Janeiro, o Centro
Musical Antonio Adolfo, onde desenvolve atividade pedagógica. Hoje vive entre o Brasil e o Exterior.
Adolfo tem gravado com freqüência a partir de 2007. Alguns de seus discos, como Rio Choro Jazz... (2014), O Piano
de Antonio Adolfo (2014), Tema (2015) e Tropical Infinito (2016), foram indicados ao Grammy Latino. Os álbuns Tema
e Tropical Infinito receberam o Brazilian International Press Award, ambos na categoria Melhor CD Brasileiro lançado
nos EUA.



 

 


Rob Digital
Rua Carlos Machado, 176 - Pólo Rio Audiovisual
Barra da Tijuca - Rio de Janeiro
Tel: (21) 3042-2069 | (21) 3042-5253 | (21) 8222-2143 | Fax: (21) 3042-2069
contato@robdigital.com.br